Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

Destinos para fazer passeios de bate e volta de Curitiba

Passeios de bate e volta de Curitiba

Curitiba é conhecida por seus inúmeros pontos turísticos. É difícil conhecer todos em uma única visita. Entretanto, além das atrações centrais, a cidade tem uma ótima localização para quem quer fazer passeios inesquecíveis de bate e volta de Curitiba e região.

Veja mais: Vantagens para se fazer passeios de barco
Veja mais: Praias de Santa Catarina para curtir com crianças

Confira abaixo destinos para fazer bate e volta de Curitiba:

Buraco do Padre – Passeios de bate e volta de Curitiba

Localizado apenas a 120 km do centro de Curitiba, no município de Ponta Grossa. O local é considerado um monumento natural, pois é formado por uma cachoeira com cerca de 30 metros de altura que deságua em uma furna e forma um pequeno lago de fundo arenoso.

Campina Grande do Sul

Localizada a 40 minutos de carro da capital. Você encontra as montanhas mais altas da Região Sul, Pico Paraná e Pico Caratuva, que podem ser acessadas por trilhas com subida de três horas, passando pela vegetação da Mata Atlântica.

Prudentópolis

Prudentópolis fica a 203 quilômetros de Curitiba, mas o percurso vale a pena: são mais de 100 cachoeiras na região. No entanto, uma das principais é o Salto São Francisco, com 196 metros de altura e uma das maiores do país.

Morretes

Localizada a 70 km de Curitiba, passando por algumas das rodovias mais lindas do Brasil, o caminho até Morretes já impressiona, com chances de percorrer a Estrada de Graciosa de trem. Além disso, o caminho passa pela Mata Atlântica, picos e cachoeiras, rendendo boas fotografias e até mesmo compras, com paradas em mirantes. Morretes reúne tudo o que se precisa para um fim de semana encantador como por exemplo, casarões coloniais, mata atlântica preservada e uma gastronomia típica de dar água na boca.

Carambeí

Embora localizada a 140 km, o Parque Histórico de Carambeí foi inaugurado em 2011 em comemoração ao centenário da imigração holandesa no Paraná. Por fim, é um verdadeiro pedacinho da Holanda colonial sem precisar atravessar o oceano.

Veja mais: Vantagens para se fazer passeios de barco
Veja mais: Praias de Santa Catarina para curtir com crianças

Compartilhe este post:

Este blog utiliza cookies para garantir uma melhor experiência. Se você continuar assumiremos que você está satisfeito com ele.