Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.
Pesquisar
Close this search box.

5 destinos turísticos do Alentejo para visitar

5 destinos turísticos do Alentejo para visitar - Nisa
Nisa

Com paisagens impressionantes e atividades que representam toda a sua autenticidade e rica cultura os destinos turísticos do Alentejo tem atrações que vão muito além dos guias de viagem indicados. No entanto, é considerado o destino mais autêntico de Portugal, as aldeias escondidas do Alentejo e os visuais tornam os dias na região ainda mais inesquecíveis.

Veja mais: 5 destinos incomuns para visitar na China
Veja mais: Primeiro resort do mundo dentro de uma vinícola

Confira abaixo 5 destinos turísticos do Alentejo para visitar:

Aldeia fantasma – Destinos turísticos do Alentejo

Juromenha está cercada por muralhas e fica situada nas margens do rio Guadiana. No século XVII foi fortificada pelos Templários e as suas paredes foram palco de grandes conflitos. Bem como a Guerra da Restauração no século XVII, e as Guerras Napoleónicas, no século XIX.
A Espanha, no entanto, teve o terreno da outra margem do rio confiscado. Além disso, perdeu o estatuto de vila em 1836 e, ao longo dos anos 20, foi quase totalmente abandonado pelos habitantes. Hoje tem algumas dezenas de habitantes que vivem rodeados pelas ruínas do fortaleza, casas e igrejas.

Redondo – 5

A principio, a pequena aldeia do Redondo reúne dois dos principais ofícios do Alentejo: a cerâmica e o vinho. As cerâmicas são robustas, luminosas e decorativas, com temas florais e cenas de vida rural. O vinho local, região DOC (Appellation d’Origine Contrôlée) para fins regulatórios, também é muito popular.
Além disso, Alentejo oferece excelentes opções de enoturismo, como a Herdade do Freixo e a Adega Cooperativa de Redondo. Não só pelos atrativos culturais mas também históricos, como o castelo e o centro medieval. A pequena vila merece estar na sua lista para a região.

Nisa, a Nice portuguesa

Segundo a lenda, nos primeiros anos de Portugal, um grupo de colonos franceses de Nice instalou-se numa aldeia a sul do rio Tejo. Pelo fato de que o local tem muitas características semelhantes às da região da França, incluindo o nome Nisa.
Foi construída em torno das ruínas de um castelo do século XVIII, possui paredes com portões imponentes que ainda hoje podem ser visitados, como por exemplo, a Porta de Montalvão e a Porta da Villa. Além disso, a fonte renascentista e a igreja barroca merecem também uma visita. Mas, a especialidade local é o queijo, de tom amarelo claro, semi-doce, feito com leite de ovelha cru e com um ligeiro sabor a ervas aromáticas.

Vinho esculpido

Uma das principais regiões vinícolas de Portugal, têm um lugar especial nos seus corações para as bebidas das cidades de Alvito, Cuba e Vidigueira.
Entretanto, a adega social local foi fundada em 1960, mas a cultura do vinho remonta à época romana. Os verões quentes e secos conferem verdadeira qualidade aos vinhos produzidos nesta região, que também utilizam técnicas milenares. Além disso, a cooperativa Adega mostra todo o processo deste tipo particular de produção na Casa das Talhas.
Por fim, o vinho esculpido é fermentado em grandes vasilhas de barro com capacidade para mil litros de vinho, feito exatamente como os romanos faziam há 3.000 anos, e aguarda sua consulta.

Mantas alentejanas

A origem das grossas mantas de lã alentejana remonta ao século XIII e é uma tradição típica da região portuguesa. Contudo, utilizados inicialmente como proteção contra o frio pelos pastores do campo, com o tempo tornaram-se elementos essenciais de mobiliário. Entretanto, existem várias versões: para o trabalho, simples ou às riscas. Atualmente, com os seus motivos vivos, são utilizados como mantas e tapetes mas também como toalhas de mesa. Você pode encontrar amostras na maioria das lojas de artesanato locais.

Veja mais: 5 destinos incomuns para visitar na China
Veja mais: Primeiro resort do mundo dentro de uma vinícola

Compartilhe este post:

Este blog utiliza cookies para garantir uma melhor experiência. Se você continuar assumiremos que você está satisfeito com ele.